minha tpm louca psicótica saia da minha frente alterou seu status para: carente querendo amor chorando vendo panda comendo chocolate com coca como se não houvesse amanha

Sentir saudades de você é foda.

Gostar de você é foda. Amar você é foda. Te dar a minha vida é foda. Ficar sem você é foda. Saudades de você é foda. Ouvir você e sentir você distante é foda. É foda. É foda. Sabe ansiedade que não cabe no peito? Mão suando, sentir que o cabelo não tá bom, que a pele não tá boa, que a roupa não tá boa, que nada tá bom? Dai você aparece no outro lado do aeroporto me esperando. Ver você já me tira um sorriso e tudo isso passa. Passa ansiedade, passam borboletas na barriga. Me sinto única e especial do seu lado. Ver teu sorriso me destrói por dentro. Seu cheiro? fórmula certa pra me derrubar. Sabe quando dizem que a felicidade de tão grande não cabe na pessoa? Quando eu recebo um beijo teu. Teu abraço. Teu conforto, tua paz. To com saudades porra. Saco essa distância. Mas assim que eu te ver novamente, o tempo vai ter parecido que não passou. E eu vou pensar de novo: valeu a pena te esperar. 

Saudade

saudade
[Do lat. solitate, ‘soledade’, ‘solidão’, pelo arc. soydade, suydade, poss. com infl. de saúde.]
Substantivo feminino.

1.
Lembrança nostálgica e, ao mesmo tempo, suave, de pessoas ou coisas distantes ou extintas, acompanhada do desejo de tornar a vê-las ou possuí-las; nostalgia:
Saudade! és a ressonância / De uma cantiga sentida, / Que, embalando a nossa infância, / Nos segue por toda a vida!” (Da Costa e Silva, Pandora, p. 83); “E uma saudade de casa começou a me agoniar.” (José Lins do Rego, Doidinho, p. 171).

2.
Pesar pela ausência de alguém que nos é querido.
3.
Bot. Designação comum a diversas plantas da família das dipsacáceas, principalmente da espécie Scabiosa maritima, e às suas flores; escabiosa, suspiro:
“E ela deu-lhe do seio uma saudade / Murcha, e no entanto bela” (Gonçalves Dias, Obras Poéticas, II, p. 98).

4.
Bot. Planta da família das asclepiadáceas (Asclepias umbellata).
5.
Bras. Zool. V. assobiador (4).
6.
Bras. Cantiga da terra, entoada pelos marujos no alto-mar. ~ V. saudades.


Rebenqueado das saudades. 1. Bras. RS Que curte a dor das saudades, da separação.

 

Dar nomes aos bois, saber o que eu to sentindo Do grego: sinto a sua falta.

Sinto vontade de você, do seu beijo, da sua boca, do seu corpo, da sua respiração tranquila, de dormir com você, do seu jeito sereno e calmo, dos pelos do seu peito, do jeito de como voce é macio, da sua coberta pesada que aquece a gente!

Não é a primeira e não será a última que senti isso. O que faz quando a gente encontra uma pessoa maravilhosa na pior circustancia possivel? Quero ficar com voce meu amor. Quero ter uma casa, um cachorro e um filho com você. Quero ir no mercado decidir o jantar, quero trabalhar com você naquilo que a gente mais ama no mundo. Quero você pedindo minha opinião, quero a gente deitado na nossa cama, na nossa casa. Quero, como nunca desejei ninguém na vida. Você faz aparecer sentimentos que eu achava que só iria sentir uma vez na vida. Tudo foi ilusão até te conhecer. Achando que o babaca que terminou comigo do dia pra noite era o amor da minha vida. Amor não dói, não machuca. Suporta, entende. Você é a definição pra palavra amor. Admiro você e vou admirar pra sempre. Quero passar por obstáculos do seu lado. Já te prometi que vou mudar as minhas neuras, meus conflitos internos. Por você. Quero te abraçar todos os dias de manhã cedo e dizer da sorte que eu tive quando te conheci e que você é pessoa mais incrível que eu conheço. Que amo sua garra, força e bom humor. Suas qualidades são invejáveis. E você me escolheu. ME ESCOLHEUUU!!! Escolheu para ser SUA, sua namorada. Quero ser sua noiva, sua esposa, mãe dos seus filhos. Quero você do meu lado me tirando suspiros e eu continuar contando pras minhas amigas como você é perfeito. É amor, pela primeira vez na vida me sinto completa. Como se quando eu estou ao seu lado não exista mais nada e que a paz mundial finalmente foi encontrada. Me sinto em casa, me sinto no meu lar. Me sinto melhor comigo mesmo. Obrigada por existir, por me tornar uma pessoa melhor. Obrigada.  

”dependência: [De depender + -ência.]

”Substantivo feminino.
1.
Estado ou caráter de dependente.  

Dependência psíquica. 1. Farmac. Psiq. Cada um dos estados mórbidos em que a impressão de bem-estar causada por medicamento, ou droga, leva o indivíduo a tomá-lo, ou tomá-la, em caráter contínuo ou periódico, inclusive para evitar a sensação de mal-estar que lhe causaria a privação daquele medicamento ou daquela droga”

Dependência.

Quase que meu sobrenome. Pois tenho essa qualidade ou defeito de se apegar tanto nas pessoas a ponto de depender delas. Mais uma vez estou aqui. Sofrendo. Pra depois essa pessoa não representar nada na minha vida. Mas com ele não quero que seja assim. Quero ele na minha vida. Seu jeito engraçadinho, seu jeito de me deixar feliz, de me deixar irritada, como ele cuida do seu passarinho, como gosta das mesmas coisas que eu. Quero que ele fique na minha vida, quero ter um filho dele, quero continuar a ver seu cabelo brilhando no sol. Quero dormir de conchinha, quero fazer planos, quero casar com ele, viajar e gastar nosso dinheiro. A forma como você diz que sou foda, que sou dedicada, que sou melhor que você. Estou dependendo de você. Cada vez mais. A ponto de sair do seu lado e em menos de uma hora estar sentindo a sua falta. O jeito que você me faz sentir quando digo que te amo, como se milhões de fogos de artifícios estivessem explodindo no meu estômago quando olho nos seus olhos e digo. Como você se veste bem e seu cheiro maravilhoso, natural. Não gostaria de ficar mais nenhum segundo longe de você. Porém baby, isso não vai ser possível. Mas prometo que por você eu aguento. Eu aguento, prometo encher meus finais de semana com alguma coisa útil e que diminua a saudade. Prometo esperar você sempre sorrindo e sem ficar triste por sua falta aqui do meu lado. Prometo que vou te amar e não vou deixar que isso seja destruido pelo tempo nem pelo desgaste dos dias. Vou te amar. Mesmo que toda essa saudade me destrua por dentro, vou continuar a te amar. 

 

Você acha que nunca vai passar, que você nunca vai deixar de sentir saudade, você acha que a dor vai continuar andando lado a lado com você, você acha que nunca vai encontrar uma pessoa tão perfeita quanto as pessoas que fizeram parte do teu passado… Mas deixa eu te dizer, por experiência própria, a dor passa sim, a saudade vai embora, os sentimentos quando você menos esperar desaparecem e essa pessoa custa a aparecer, mas sempre aparece. Sabe aquilo de dar “tempo ao tempo”? Então, é a mais pura realidade, porque tem vezes que só o tempo pode resolver os estragos que o mesmo causou, e hoje posso com toda certeza dizer que valeu apena esperar todo esse tempo. Não lhe digo que agora a vida é um mar de rosas, mas sabe aquela pequena sensação de alívio? Sabe aquele “peso” nas costas que desaparece? Sabe quando você dorme sem pensar em nada, porque realmente não tem mais nada pra pensar? Sabe quando você deixa de querer amar todo mundo e por todo mundo e começa a amar por si e para si mesmo? Então, é exatamente essa a sensação que dá; Mas sabe, querendo ou não, a vida nos surpreende a cada dia que passa, o tempo pode causar grandes mudanças, basta você ser paciente, mas sempre, de toda e qualquer forma, faça alguma coisa para que o seu tempo corra um pouquinho mais de pressa. Afinal, tudo que caiu do céu é a chuva! Mas lembre-se sempre, a dor sempre passa, assim como o sorriso e a felicidade sempre chegam. E olha só, justo eu, um poço de pessimismo, justo quem nunca esperou por nada, acabou encontrando a felicidade… Assim, do nada.

“Nenhum segundo a mais no despertador. Nenhum livro novo. Nenhum doce na geladeira. Nenhum sorriso cruzando a rua. Nenhum e-mail. Nenhuma gentileza. Nenhuma mensagem de aniversário. Nenhuma mensagem atrasada de aniversário. Nenhuma piada. Nenhum xingamento. Nenhum elogio. Nenhum barulho de grilo. Nenhum grito de medo. Nenhum acampamento na sala. Nenhuma mensagem no celular. Nenhuma ligação esperada. Nenhuma ligação inesperada. Nenhum aperto de mão sobrando. Nenhum nome faltando. Nenhum pedido atendido. Nenhuma pizza paga. Nenhum drink oferecido. Nenhum sorvete derretido. Nenhuma bochecha corada. Nenhum centavo ganho. Nenhum amor inteiro. Nenhum amor parcelado. Nenhum queixo sujo de brigadeiro. Nenhuma coberta quente. Nenhum sofá com marcas de uso. Nenhum badalar de sinos. Nenhuma nuvem em forma de cavalo no céu. Nenhuma ligação. Nenhum pedido de namoro. Nenhuma escova de dentes fora do pote. Nenhum lápis apontado. Nenhuma sombra. Nenhuma presença. Dias. Noites. Vida. Piloto automático.”
Cinzentos.   (via instancias)

(via docealento-deactivated20130503)

Sorri para a vida e a vida sorriu de volta pra mim.
Sorriu com todos os dentes a mostra, sem vergonha de nada.
Bom é quando a gente consegue desapegar daquilo que trava a gente. Não tem melhor sensação. Liberdade, paz interior. 
”Hoje ninguém vai estragar meu dia, só vou gastar energia pra beijar sua boca” 

Sorri para a vida e a vida sorriu de volta pra mim.

Sorriu com todos os dentes a mostra, sem vergonha de nada.

Bom é quando a gente consegue desapegar daquilo que trava a gente. Não tem melhor sensação. Liberdade, paz interior. 

”Hoje ninguém vai estragar meu dia, só vou gastar energia pra beijar sua boca” 

(via sou4314)

lucky9596:

Feel. Don’t Think on We Heart It - http://weheartit.com/entry/17828130/via/99999

(blog depois dos quinze)